Cadastre-se   Esqueci a senha?
Dicionário de português
Dicionário de português

Sua historia - Sofrimento



carros viaki
ganhar prêmios por atividade cursos rapidos e baratos aula virtual

historias de amor
primeira palavra
ultima palavra
contador de palavras

Envie sua história







dicionario de verbos
dicionario sinonimos
dicionario de palavras
dicionario de frases

Aprender uma língua:
Frases em inglês Frases em espanhol Frases em alemão

Aprendendo:
# Analisar uma frase
Ajudando:
# Frases para traduzir
Respondendo:
# Dúvidas com palavras

jogos online diversão para toda a familia







Sofrimento

escrito por alexsandra em 10. April 2013:


Sábado 22 de junho de 1996 era mais ou menos 19h30min quando entrei no ônibus que iria pra casa da minha mãe onde buscaria meus dois filhos e La estava ELE, a pessoa com quem eu comecei um relacionamento.

Passaram-se quatro meses e decidimos então morar juntos, neste tempo vivíamos muito bem ELE era um homem que não tinha vícios e se mostrava ate então um bom padrasto, no ano de 1999 tivemos o primeiro filho,um menino que era o que ele mais desejava neste ano tudo ocorreu bem, mais no ano de 2000 ao sair com alguns amigos para jogar bola voltou pra casa com duas latinhas de cerveja perguntei se ele tinha bebido e ele respondeu que sim, apartir começamos a beber com mais frequência.

A partir dai começamos a discutir com mais frequência e ele começou a agredir fisicamente os meus filhos que não eram dele e mesmo com as discussões tivemos outros três meninos, os problemas começaram a piorar na ultima gravidez,quando ele passou a sair com o tio,ele sempre chegava em casa tarde muito alcoolizado não dava nenhuma satisfação, com 34 semanas de gestação meu bebe nasceu ficou internado por 21 dias e ele visitou o bebe apenas 3 vezes .quando o bebe completou 1 aninho a minha filha também completava 15 anos,foi quando demos pra ela um computador de presente,poucos dias depois ele chegara em casa mais uma vez bêbado e questionou porque a minha filha estava no computador ela disse que já iria desligar o mesmo,porem ele não esperou e arrombou a porta do quarto dela e quebrou o computador com chutes e bateu muito em minha filha,foi quando eu entrei no meio e tentei tirar a minha filha e ele começou a bater em nos duas ele nos chamava de vagabundas,prostitutas e etc.

Eu me desesperei com tudo que havia acontecido e tentei suicídio, acabei ficando uma semana internada em coma, essa foi a primeira agressão e o primeiro B.O mais a justiça não fez nada, passou um mês e ele prometeu então que iria melhorar e decidimos reatar o relacionamento, depois disso perdi a conta de quantas vezes fui agredida e quantos B.O fizeram.

No ano de 2011 mudamos para outra cidade, e alguns dias após meu aniversario exatamente no dia 16 de agosto eu e minha filha viemos a belo horizonte, ela tinha dentista e eu medico, ele nos levou ate a cidade vizinha e quando retornamos nos buscou na mesma cidade já com sinais de embriaguez, chegado em casa por volta das 20h00min, meus filhos estavam jogando vídeo game e eu estava tomando banho e der repente o meu filho mas novo começou a chorar,ele disse então para minha filha que o pai tinha puxado a orelha dele quando minha filha olhou ele tinha puxado com tanta força que inchou na mesma hora,foi quando minha filha disse então para o padrasto que ele precisava ter feito aquilo,foi quando ele a mandou ir cuidar da própria vida e começou a bater nela eu então sai correndo do banheiro e tentei tirar ele de cima da minha filha foi quando mais uma vez nos duas apanhamos,ele então pegou suas roupas entrou no carro e foi embora.

Durante dois meses fiquei atrás dele me humilhando pra que ele volta se, ele não dava nenhuma assistência pro filhos e então eu resolvi levar os meninos para passar a semana das crianças com ele quando entreguei os meninos a ele me tratou muito mal, deixei meus filhos então com muita dor fiquei uma semana sem conseguir trabalhar no fim de semana seguinte mandei mensagem para pegar os meninos mais ele não me respondeu fui ate o lugar onde ele estava morando buscar os meninos chegando La encontrei a namorada dele a mesma me disse que ele já estava chegando então pedi pra que ela espera-se comigo, cinco minutos depois e ele chegou de carro com meus filhos totalmente bêbado, ate o memento ele ainda não tinha me visto porque estava muito escuro eu atravessei a rua abri a porta do carro e mandei meus filhos saírem do carro.

Ele também desceu e começou a me bater no meio da rua comecei a gritar e pedir socorro os vizinhos, que viram a briga e separaram eu então chamei a policia e ele me chamando de vagabunda disse que eu poderia ligar porque ele não tinha medo de policia afinal ele é militar, então abraçou a namorada dizendo vamos embora amor larga essa vagabunda ai porque e isso que ela merece.

A policia chegou e nos levou para o hospital para fazermos corpo delito depois fomos pra delegacia e ficamos ate a madrugada.
Fiz então um acordo com ele para não chegar mais perto dos meninos ou de mim, ao se passar dois meses ele me procurou porque eu já havia aberto o processo judicial, ele pediu pra voltar fazendo as promessas de sempre, mais pensando nos meus filhos que estavam em outra cidade passando dificuldade e sabendo que sofreria as mesmas agressões, voltamos em dezembro de 2011 com muita dor por tudo que havia acontecido, depois disso eu trouxe minha família de volta a Belo Horizonte.

No ano de 2012 eu sofri pelo menos sete agressões duas com B.O e as outras não, a ultima no dia 26 de outubro de 2012 ele quebrou uma TV, computador, um som e me bateu muito, no dia 26 de dezembro de 2012 eu mandei que ele fosse embora de vez porque já não aguentava mais ser chamada de gorda, vagabunda e muitas outras coisas.

Hoje estou com processo judicial porque ele não paga pensão para os filhos não tem nenhum tipo de contato com os filhos porque não quer.
(quando o conheci ele era apenas um soldado do corpo de bombeiros, hoje ele é cabo da mesma corporação, e o poder público sabe de todo o ocorrido e não toma atitude nenhuma).
(historia real)...


Mais histórias com a palavra Sofrimento:
Sofrimento - 4. Oktober 2012 de aline
MEU NOME E ALINE TENHO 15 ANOS MINHA HISTORIA E ESSA CONHECI UM HOMEM NA EPOCA ELE TINHA 27 ANOS EU TAVA EM UM PAGODE E CHEGANDO LA ELE MANDOU UM MENINO ME CHAMAR EU FUI ENTREEI NO CARRO DELE ELE E T... [mais]
Sofrimento - 7. Mai 2012 de Triste
Em um dia qualquer... eu fui passear com a minha amiga no shopping, quando chegamos lá, bati de frente com tres garotos.. um deles estava vestido de blusa preta. olhei para eles e eles olharam para mi... [mais]
Sofrimento - 21. Oktober 2011 de yasmim
Eu vivia armagurada pelos cantos quando decidi pegar amizades com algumas meninas, nisso essas meninas me apresentou alguns amigos na hora falei oi para todos e continuei conversando. so que depois u... [mais]
Sofrimento - 4. Mai 2011 de josyanii
Bom e vou contar minha história.eu tinha 11 quando começei aconheçer amigos,morria de vergonha de sair com minhas amigas pois elas tiham 13 e 14 e saiam juntas com meninos tambem e sempre queria jogar... [mais]
SOFRIMENTO - 5. November 2010 de Anônimo
tenho uma colega q gostava de um garoto ,eles ate ficavam de ves em quando eu ate q conheçia ele, mas agente ñ era amigos ate q um dia ele veio estudar na minha sala e logo ficamos amigos mas ñ enxerg... [mais]
sofrimento - 2. Oktober 2010 de Anônimo
tudo começou quando aminha melhor amiga e seu namorado andavam falando em um garoto mas eu nem dava muita importançia afinal nem conheçia ele mesmo, ate a minha irmã já conhecia e so andava falando n... [mais]
SOFRIMENTO - 18. September 2010 de Letícia Oliveira
Eu tinha três amigas, minha melhor amiga(Thamires)e outra duas amigas ( Aline e Bruna), elas tinham um irmão de 17 anos(paulo), então me tornei amiga desse garoto, mas eu tinha um namorado que me amav... [mais]
sofrimento - 2. Juli 2010 de Anônimo
Quando eu tinha apenas os meus 11 eu conheci um menino,começamos a conversar como um quanquer cada dia q passava eu pensava mais nele comecei a perceber q aquele garoto naum saia da minha memoria ent... [mais]
sofrimento - 8. Mai 2010 de Luciana
EU NEM ACREDITO QUE ESTOU AQUI CONTANTO A MINHA HISTÓRIA DE AMOR!!! TUDO COMEÇOU QUANDO MEUS PAIS DECIDIRAM VIM MORAR EM PERNAMBUCO PRA MIM Ñ FOI MT DIFICIL SAIR DE ONDE EU MORAVA (SÃO PAULO) PQ SÓ TI... [mais]
sofrimento - 28. April 2010 de luana
Tudo começou quando estava viajando, olhei para o cobrador e senti uma coisa diferente por ele,mais isso passou pouco tempo ele começou a brinca comigo, depois ele veio ate a mim e nos conhece, e fi... [mais]
sofrimento - 10. April 2010 de jeanine
Desde de 2007 eu conheço leandro,foi num belo dia que eu passei por ele achei bonito e pisquei so por apenas achar ele bonito. Depois desse dia,esse cara começou a ficar atrás de mim, mim via na rua c... [mais]
sofrimento - 20. Dezember 2009 de mikaella rocha siueira
Bom, essa historia ainda nao tem um final, p eu nao sei o ki vai acontecer com agente, uando eu tinha 12 anos deq idade eu tava fazendo uma festa da escola na fazenda da minha tiia eu tive um problemi... [mais]




© 2007-2018 by Dicionário online de português
Procure em mais de 5 milhões de palavras.
Sobre nós | Nossa história | Dúvidas? | Banner | Regras e termos de uso | Política de privacidade | Programa de Afiliados

Projeto de Conhecimento - a fim de promover o idioma português e reforçar a importância individual de palavras em português com aula virtual (perguntas e respostas), traduções em inglês, espanhol e alemão, significados, sinônimos e verbos. Seu dicionário português online.